Instrução de Trabalho: Concreto celular em paredes estruturais

Profissionais e Etapa da Obra

  • Quem: Encarregado de carpinteiro, betoneiro, eletricista, pedreiro, serventes e almoxarife.
  • Onde: Na obra.
  • Quando: De acordo com a autorização do mestre de obra, técnico em edificações ou engenheiro.

Equipamentos e Materiais Necessários:

  • EPIs (luvas de raspa de couro, luvas de borracha, botas de couro, botas de borracha, meias, capacete, cinto de segurança, farda), tambor de 200 litros, jericas e/ou carro de mão, andaimes, colher de pedreiro, baldes, pá, madeirite resinado, tábuas de madeira, guincho (se precisar) ou foguete, régua de alumínio, desempenadeira de madeira, vassoura, garfo, água, concreto celular.

Descrição da atividade:

  • Verificar o combustível (óleo diesel) na bomba de lançamento de concreto;
  • Pesar a fibra e colocá-la em saquinhos na quantidade de cada traço;
  • Executar a limpeza interna do gerador de espuma;
  • Armar andaimes com as passarelas para o lançamento de concreto em cima das paredes;
  • Executar a mistura de água com o agente espumígeno na proporção estabelecida em traço especificado;
  • Proceder a lubrificação da mangueira de lançamento de concreto com nata de cimento;
  • Executar concreto de acordo com traço autorizado pelo engenheiro tomando-se o cuidado na colocação da fibra e da espuma. A fibra é colocada junto com os agregados e o cimento. A espuma é colocada após os agregados serem misturados;
  • Lançar o concreto no máximo 15 minutos após sua saída da betoneira para que o concreto endurecido não cause entupimento na bomba de lançamento;
  • Após a concretagem de cada parede, executar a limpeza das bordas da forma para retirar o excesso de concreto. Com a colher de pedreiro, executar o acabamento final no sentido da espessura da parede.

Resultados esperados:

  • Concreto uniforme, sem bexigas e com a armadura totalmente coberta.

Ações em caso de não conformidade:

  • Em caso de aparecimento de bexigas, chamar o mestre de obras para orientar a correção.

Comentários estão fechados.